TEXTO ESCRITO POR

AQUECIMENTO PARA O TREINO

May 7, 2014

Por Thomas Pinheiro .

 

Essencial para o aprendizado e desenvolvimento das técnicas do estilo Wing Chun, o aquecimento é uma necessidade em qualquer atividade física, pois tem a finalidade de prevenir a possíveis lesões etc.

Tradicionalmente, não se fazia aquecimento no aprendizado de Wing Chun. O mestre se restringia apenas ao ensino técnico, prevendo que seu aluno realiza-sse por conta própria um aquecimento antes do treino, muitas vezes utilizando-se da própria técnica para tal.

O aquecimento para Wing Chun parte da vontade, do conhecimento e da intenção para com os alunos por parte de mestres e professores. Um aquecimento direcionado à prática de Wing Chun busca proporcionar ao aluno relaxamento dos músculos, alongando, soltando as juntas, e fornecendo um melhor trabalho de oxigenação, trabalho postural e concentração, de forma a promover condicionamento ao corpo como um todo, facilitando assim as técnicas de Wing Chun propriamente ditas. Exercícios internos de chi kung ajudam, e muito, como aquecimento para o Wing Chun, auxiliando o fortalecimento de músculos, articulações e tendões, dando-lhes também velocidade.

Há inúmeros exercícios chineses nesse sentido, como, por exemplo, o Ba Ton Chin e outros que antecedem a própria criação da arte marcial do kung fu.

 

O estilo wing chun é conhecido dentre os estilos de kung fu, como um estilo híbrido, pois se utiliza de 50% de trabalho interno e de 50% de externo, embora de forma comum, movimentos retilíneos, o que dificulta o aspecto do relaxamento, essencial para se alcançar um nível mais alto na prática do estilo.

 

O estilo wing chun quando de sua criação por Ng Mui, foi elaborado a partir das características de uma mulher: leveza, soltura, rapidez, sensibilidade. Hoje, a prática do estilo é realizada basicamente por homens, o que faz com que, em sua difusão, perca muitas vezes suas características originais. Essa perda deve-se, em parte, ao fato de muitos professores se basearem; num treino de força física, sobrepujando a técnica, possivelmente por se tratar de um método de obtenção de resultados a curto prazo, o que impede, todavia, o avanço a um nível mais elevado dentro do estilo .

 

O praticante de wing chun deve realizar um aquecimento correto, que leve em conta seu bio-tipo natural. Um indivíduo forte deve, naturalmente, aproveitar e tirar vantagem de sua condição, enquanto um mais fraco com certeza irá trabalhar para uma compensação, sempre dentro dos limites de seu organismo.

 

No wing chun, o peso do corpo é somado a força de explosão, gerando maior potência; o aumento de massa além do bio-tipo natural, acarreta perda de velocidade, aumentando a tensão do corpo.

No caso de indivíduos muito fortes, ou pesados, há certa dificuldade no aprendizado, pois há necessidade de soltar o corpo. Indivíduos magros, e leves, por sua vez, também podem apresentar o mesmo tipo de dificuldade, graças à tensão extrema do corpo, de caráter nem sempre físico, mas de ordem psicológica, ou seja, uma carga emocional não trabalhada.

O aquecimento, portanto, não deve ser um tempo perdido, mas uma fonte de lucros para o treino técnico.

Please reload

EM BUSCA DA ARTE MARCIAL.

May 7, 2014

1/2
Please reload

TEXTOS RECENTES

January 20, 2017

May 8, 2014

May 8, 2014

Please reload

PROCURA POR TAGS
Please reload

ACOMPANHE NOSSA PAGINA NO FACE
  • Facebook Classic